Um poema para as mulheres

Março 8, 2007 às 8:30 am | Publicado em Cânticos e Poesia, Revista NÓS MEDIA | 20 comentários

NESTE DIA DEDICADO À MULHER, ESCREVI ESTE POEMA QUE É DEDICADO A TODAS AS MULHRES DO MUNDO, MAS, EM ESPECIAL, ÀS MULHERES CABO-VERDIANAS QUE DESAFIAM A POBREZA PARA DAR AOS FILHOS UMA VIDA DIGNA E AJUDÁ-LOS A SONHAR COM O FUTURO. DESEJO-LHES FELICIDADES MONUMENTAIS.


MULHER CABO-VERDIANA
 
Era o crepúsculo de uma linda madrugada
Oiço o grito de uma flor que desabrocha
Como uma mulher que quer ser amada
Ou o eco de um vazio no meio de uma rocha
 
 
O sol tenta espreitar num primeiro olhar
Para ver se a noite ainda está adormecida
Numa manhã sem medo de madrugar
E uma bela noite quase enlouquecida
 
 
A chuva ainda cai de mansinho
Ouve-se o primeiro galo a cantar
Pássaros que abandonam o ninho
É hora de começar a semear
 
 
Não há mais outro destino a escolher
É o caminho de quem nasceu nesta terra
Nem muito risco a correr
A sementeira é a nossa guerra
 
 
A mulher cabo-verdiana canta e chora
Solta um sorriso para alegrar o filho
Mesmo na hora de ir-se embora
Para semear o grão de milho
 
É uma mulher trabalhadeira
Cuida da casa e da vida
Mas também é uma batucadeira
Que junta o torno à lida
 
 
A sua voz ecoa uma melodia
É algo que reconforta a alma
E provoca uma grande alegria
Num dia de grande calma

Advertisements

20 comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. eu gostei muito do seu poema comtimui sempre assim tá…

  2. Muito obrigado pela sua visita e pelo seu comentário encorajador.
    Abraços

  3. As vezes esquecemos do sofrimento de muitas mulheres que deixaram filhos “os seus ventres”, para irem para longue apesar do sofrimento para poder dar melhores condições aos seus filhos.e com dores no coração e alegria na cara para com os seus filhos, essa mulhers sim é cabo verdiana. as poemas estao belissima parabens.

  4. Muito obrigada, pelo teu comentário, Maura. Ainda hoje me lembro do teu sorriso tímido, que mais parece uma poesia. Gostei muito de te conhecer e de ter-te como minha aluna.
    Foram bons momentos aqueles em que eu era professor na Escola Secundária do Tarrafal. Uma verdadeira aprendizagem e serviu para que eu ganhasse gosto para a área do ensino. Gostei muito de te conhecer e de conhecer muitos rapazes e raparigas da tua geração, que hoje são jovens com projectos de batalhar para o desenvolvimento do Tarrafal.
    Um abraço deste teu antigo prof.
    Silvino Évora

  5. Very useful and informative blog. Recommended for all to see.
    http://medsdrugs.blogspot.com/

  6. Se existe alguem que valorisa a mulher eu sou o primeiro
    porque a mulher e nossa mae

  7. eu amei o poema é otimo ]
    e muito lindo

  8. ### MEUS PARABENS AO AUTOR/A. Pelas respostas do amigao Silvino, deduzo que tenha sido ELE o autor. Continue, amigo, Abracao a todos, deste vosso amigo certo, Nana dy Pala Lopy

  9. Obrigado a todos que por cá passaram e que cá comentaram. É verdade, Nana. O Poema é da minha autoria sim.
    Um grande abraço para ti,
    Força aí,

  10. É muito bom ler este poema e ficar a saber que tens muito respeito pelas mulheres da tua terra onde eu estou incluida. bjos da tua és aluna e admiradora. Angélica

  11. muito bem , é bom ser um jovem assim dao dedicado e poetico

  12. Eu soy Mexicano criado en USA mais me enamore de una CABOVERDIANA en CANCUN y no la puedo olvidar. Muy bella mulher, es cierto. Se casó con um GACHUPIN que le da todo pero, there is something missing em esa relación.Ella va a extranar cuando sus manos se deslicen tocando su cuerpo, me va a extrañar. Lo siento por el pero mas por ella, podra sacarme de su vida, podra sacarme del camino mais su deseo se queda conmigo.Por que eu foi, eu sigo sendo e lo sere, el kech de su vida!!! love you “MULATINHA” Espero algum dia poder visitar esa praias, buen poema mi hermano CABOVERDIANO.

  13. eu gostei emeso é sempere lauvavel ler uma caisa assim que homenagia as nossas mulheris..

  14. Gostei do poema que fala que a mulher de Cabo Verde canta e chora é um bonito trabalho eu com 9 anos ja sei um pouco de poemas gostei muito!!!

  15. Um poema como esse faz qualquer alguem soltar um sorrisso perante esses lindos estrofes que relatam a vida da mulher caboverdiana,só o caboverdiano mesmo poderia descrever o que realmente é a vida de nós as caboverdianas.
    Solicito o autor pelo trabalho realizado e que continue com esse respeito pelas mulheres…sucessos

  16. Muito bom este teu poema Silvino.
    Bom mesmo é que o homem cabo-verdiano continue reconhecendo o papel que a mulher desempenha em sua vida e nesta sociedade.Que roconheça tb os seus direitos e que as respeite todos os dias.
    Sou mulher cabo-verdiana com orgulho

  17. mudjer de nos e sim um bandera de ki ta mostra amor carinho dedicaçom e bondade na lama viva nos mudjer

  18. Vivi a mudjeres de Cabo Verde és que nós razom de viver vivi a mudjeres de Cabo Verde

  19. Hello there! This is my first visit to your blog!

    We are a collection of volunteers and starting
    a new project in a community in the same niche. Your blog provided us beneficial information to work on. You have done a wonderful job!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: