Mãe

Maio 10, 2008 às 10:49 am | Publicado em Cânticos e Poesia | Deixe um comentário
Mãe

Meu armazém de feto inicial
A caminho do uútero
Enquanto senhora do meu principiar.

Mãe

Minha paciência de nove meses
Ama sagrada do recém-nascido
Entendimento puro na puberdade.

Mãe

Meu início de vida
A origem a fonte o berço
Ente fantástico do embalo sagrado.

Mãe

Mãezinha querida jamais esquecida
Algo que nos encanta e enleva
Enquanto mundo for mundo.

Mãe

Três letras apenas
Dois corações unidos
Um só palpitar.

Autor: Nana di Pala.

Deixe um Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: