Sá Nogueira analisa jornalismo cabo-verdiano

Setembro 25, 2008 às 10:11 am | Publicado em Media & Jornalismo | Deixe um comentário

Assinar uma peça noticiosa é, sem dúvida, uma das formas básicas e nobre em jornalismo, de se ser sério para com os leitores. O que não foi o caso da notícia em análise, a avaliar pela linguagem irreflectida e, por conseguinte, infeliz do pseudo-jornalista. Deste modo, não há nenhum leitor de bom senso que não concordaria comigo quanto a abordagem sórdida e opinativa do texto que venho referindo.

A propósito da pseudo-notícia intitulada: “Perseguição na Câmara da Ribeira Grande de Santiago”, dada à estampa, no semanário A NAÇÃO, nº 55, de 18 de Setembro, gostava de tecer algumas considerações técnicas relativamente àquilo que é elementar em jornalismo: a Ética Prática ou Deontologia da Profissão.

Para quem perceba minimamente da Ética Jornalística e a tenha estudado, com alguma profundidade, diria, com certeza, que se está perante um artigo de opinião, profundamente patético, sensacionalista e arraigado de má fé, com o único intento de atingir um órgão legitimamente eleito – a Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago, liderado por Manuel de Pina.” [in Liberal]

Deixe um Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

site na WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d bloggers like this: